Metodologia Ágil: o que é, quais os seus princípios e tipos mais utilizados

Sem tempo para ler?

Quando uma empresa decide dar início a um novo planejamento, independentemente de ser a criação de um novo produto, como um software etc., o mais importante nesse momento é executá-lo de forma eficaz e clara, conecta às expectativas da intenção inicial. A metodologia ágil surgiu com o objetivo de melhorar e contribuir para o desenvolvimento de todo esse processo.

A capacidade de ordenar o time, comunicar-se sem ruídos e seguir atento aos objetivos não depende apenas da existência de um gestor competente. É esse o motivo pelo qual cada vez mais empresas têm adotado as metodologias ágeis na sua rotina organizacional.

Nesse artigo, explanaremos a respeito do tema, explicando o que são as metodologias ágeis, quais os seus pilares, princípios e benefícios, além de ressaltar os tipos mais importantes utilizados atualmente. Continue lendo!

O que é metodologia ágil?

Metodologia ágil, também chamada de método ágil, trata-se de uma metodologia desenvolvida pela tecnologia da informação com o propósito de solucionar conflitos que existem na maioria das empresas no momento de administração dos seus planos, tais como: processos com fases demoradas de confecção e sem datas estimadas de conclusão; dificuldade das equipes em comunicar-se; falta de posicionamento em comum, entre os próprios times, entre os clientes etc.

Por essa razão, os métodos ágeis, para além do TI, passou a ser utilizado em outros setores e projetos, não sendo apenas disponíveis para o meio tecnológico.

O que é metodologia ágil?

Quando usar a metodologia ágil?

Os objetivos desenvolvidos pelas empresas necessitam de uma data de começo e encerramento determinadas. Todavia, uma vez iniciado, nem tudo segue como o planejado.

Às vezes um projeto demora anos para ser finalizado, devido a imprevistos e necessidades que aparecem durante a execução.

Portanto, criar uma metodologia que entendesse esse tipo de situação e entregasse uma solução, facilitando a execução daqueles objetivos iniciais era algo essencial.

A metodologia ágil foi aos poucos sendo aplicadas nas empresas, em grande parte porque entregava resultados positivos nos encerramentos dos projetos.

Diferente dos métodos tradicionais, a metodologia ágil tem o seguinte funcionamento:

– etapas de criação curtas;

– entregas com datas certas;

– atenção à eficácia dos procedimentos;

– equipe linear e organizada.

Com essas etapas sendo seguidas à risca, a identificação de problemas e obstáculos é facilitada. Em decorrência disso, os colaboradores envolvidos no processo conseguem solucionar qualquer questão existente em tempo hábil, adaptando o que for necessário, sem afetar a produção final esperada.

funcionamento Metodologia ÁgilQuando usar a metodologia ágil?

O Manifesto Ágil

Por que usar a metodologia ágil? Descontentes com os métodos de trabalho tradicionais, uma equipe de cientistas se reuniu, no ano de 2011 e montou o chamado Manifesto Ágil.

O manifesto contém pilares e princípios considerados básicos ao falarmos em desenvolvimento ágil de softwares.

Os 4 pilares da Metodologia Ágil

  • As pessoas e suas interações têm mais valor que os processos e as ferramentas;
  • A capacidade de funcionamento dos softwares tem mais valor que a documentação;
  • A cooperação com os clientes tem mais valor que os contratos;
  • A adaptação às mudanças é mais importante do que seguir um plano.

Quais são os princípios da Metodologia Ágil?

Por que escolher a metodologia ágil? De acordo com o Manifesto Ágil, a metodologia ágil é guiada pelos seguintes princípios:

– Satisfação do cliente deve prevalecer, portanto as entregas devem ser antecipadas e assíduas, demonstrando o valor dos softwares.

– Se adaptar às mudanças das necessidades, mesmo que o processo esteja no fim, pois os desenvolvimentos ágeis devem se adequar às exigências dos clientes.

– Fazer a entrega do software numa versão que funcione com assiduidade, mesmo que dure semanas ou meses, mas sempre dando preferência a períodos de tempo menores.

– Gestores e desenvolvedores devem trabalhar conjuntamente, todos os dias, até o final do projeto.

– Desenvolver projetos envolvendo colaboradores entusiasmados, proporcionando um ambiente com o apoio técnico necessário, fazendo com que desenvolvam segurança naquilo que estão realizando.

– A metodologia mais eficaz para um time trocar informações é desenvolver diálogos e conversas pessoalmente.

– Desenvolver um software que seja funcional é o primeiro passo para o progresso do método.

– Procedimentos ágeis ajudam a melhorar o ambiente organizacional, permitindo que os patrocinadores, desenvolvedores e usuários não percam o foco e continuem pelo mesmo caminho.

– Foco cotidiano em relação à excelência técnica e design para aumentar a agilidade e eficiência.

– Manter o trabalho sempre simples e otimizado.

– Equipes auto-organizadas produzem melhores arquiteturas, requisitos e designs.

– Devem acontecer intervalos regulares, através dos quais as equipes devem avaliar como ser mais efetivo e ajustar sua performance de acordo com as necessidades encontradas.

Quais são as principais metodologias ágeis?

Quais são as metodologias ágeis mais utilizadas no mercado hoje? Agora que você sabe o que é metodologia ágil e quais os princípios que norteiam essa ferramenta, apresentaremos quais são os principais tipo existentes atualmente.

Scrum

O Scrum é um dos métodos ágeis mais conhecidos, muitas vezes tendo seu conceito trocado com o da própria metodologia ágil.

Porém, o scrum tem como meta ajudar a gerir os projetos e seu desenvolvimento, de modo que a entrega aconteça no período mais célere possível.

É essencial que a empresa saiba identificar tudo que seus colaboradores entregam de positivo e negativo. Cada membro da equipe deve saber exatamente qual a sua função dentro da empresa e o que deve ser feito para validar aquela performance.

A equipe deve ter sempre uma pessoa responsável pelo cliente no time, de modo que ele seja o responsável por validar o que deve ser entregue com antecipação etc.

O scrum é montado através de ciclos. Esses ciclos são chamados de sprints, períodos de tempo definidos para desenvolver cada fase do scrum.

A cada vez que uma etapa é concluída, a equipe se reúne para avaliar o trabalho. Se tudo estiver ok, o próximo sprint poderá ser iniciado.

Lean

Metodologia Ágil - Lean

O Lean é um método ágil muito utilizado por startups, geralmente associado a projetos curtos e com metas claras.

A intenção do Lean é desviar dos possíveis acúmulos de trabalho na empresa ou na criação de um projeto. O foco é reduzir o retrabalho, reduzir os custos e distribuir tarefas cada vez menos complicadas, visando melhorar a produtividade e assimilação de informações.

Kanban

O Kanban é uma metodologia ágil realizada através de checklists, permitindo enxergar os processos como um todo, durante o desenvolvimento do projeto.

Essa metodologia pode ser aplicada em negócios de qualquer setor, sendo aplicada visualmente e dividida em três etapas:

– to do: o que preciso fazer.

– doing: o que estou fazendo.

– done: o que já fiz e analisei com minha equipe.

Metodologia Ágil - Kanban

Smart

A metodologia ágil Smart desenvolve projetos com etapas claras através das quais consegue-se enxergar com clareza aquilo que precisa ser entregue.

Metodologia Ágil - Smart

É uma metodologia baseada em cinco princípios, cada um deles correspondente a uma letra da palavra SMART.

S – specific: os objetivos devem ser sempre específicos.

M – measurable: os objetivos devem ser passíveis de mensuração.

A – attainable: os objetivos devem ser alcançáveis.

R – relevant: os objetivos devem ser relevantes para a empresa.

T – time-related: deve haver um prazo limite para a entrega do projeto.

Gostou desse conteúdo?

Então visite o nosso Blog e fique por dentro dos assuntos mais relevantes sobre metodologias ágeis e demais métodos de trabalho eficazes e atuais.

Aproveite para conhecer o que a Keeps tem a oferecer dentro do Go Learning, nossa Universidade Corporativa, e descubra como evoluir nos processos de capacitação e mensuração de resultados, através desse movimento colaborativo social de especialistas em T&D e RH que criaram um ecossistema de conhecimento rico com cursos, webinars, podcasts, livros, ebooks, entre outros objetos educacionais.

Contato

Relacionados

20/05/2022
Análise de causa raiz é uma metodologia que pode ser utilizada e adaptada a vários setores e ocas...
16/05/2022
No cotidiano organizacional é natural que alguns desafios aconteçam, afinal, erros e problemas se...

TRAGA A SUA EMPRESA PARA

A MELHOR LXP DO BRASIL

Capacite mais, em menos tempo e com menor custo.