Offboarding: o que é e quais são as etapas de aplicação

Início » Estruturas Organizacionais » Offboarding: o que é e quais são as etapas de aplicação

O termo Offboarding, refere-se ao desligamento de colaboradores. Neste sentido, é importante compreender que, independentemente de qualquer situação, tratá-los com dignidade é o mínimo esperado em qualquer empresa de sucesso. Pois a alta performance e o bom rendimento da empresa depende exclusivamente do desempenho dos seus colaboradores. No artigo de hoje, vamos explicar os principais pontos sobre o Offboarding. Continue lendo!

O que é offboarding?

Offboarding: o que é e quais são as etapas de aplicação

Offboarding pode ser traduzido como “desembarque” e propõe que o desligamento do colaborador seja realizado de forma mais segura e humanitária, o que contribuiu para que o conceito fosse cada vez mais implementado no mundo corporativo.

Todavia, colocar o offboarding em prática, de forma que ele apresente a máxima eficiência, não é tão simples quanto parece, já que envolve diversas etapas e variações, como veremos abaixo.

Como aplicar o offboarding?

Algumas dicas devem ser seguidas durante esse processo, observe:

Como aplicar o offboarding?

Empatia e cuidado com as reações emocionais

Colocamos em primeiro lugar a questão da Empatia, que independente de tudo, deve ser praticada com o colaborador, desde o onboarding até o offboarding.

Para o Recursos Humanos, a empatia ajuda a conversar de forma mais pessoal com o colaborador para a notícia do desligamento.

Saber lidar com a reações emocionais dos colaboradores também é fundamental para tornar o processo de offboarding ainda mais eficiente.

Isso porque, como sabemos, cada colaborador reage de um jeito quando é desligado da empresa. Para tanto, o indicado é que você esteja preparado para lidar com tudo isso.

Ter empatia diante das respostas emocionais é essencial para que não afete a produtividade e a imagem da empresa.

Estabeleça procedimentos formais

O primeiro passo para garantir a implementação eficiente do Offboarding, é conferir todas as formalidades e certificar-se de que todas estão prontas para serem aplicadas.

É importante ter conhecimento dos procedimentos formais, e para isso,você pode mapear todo o processo e detalhar cada etapa que deve ser concluída.

Portanto, você precisa definir:

  • Quem são os responsáveis por concluir cada etapa;
  • Determinar um prazo para comunicação – entre colaborador e empresa;
  • Tenha certeza de que não há pendências financeiras entre ambos;
  • Certifique-se de que todas as responsabilidades foram cumpridas durante a vigência do contrato.

Seguindo esses tópicos acima, você evita receber ações legais movidas contra a empresa e garante uma relação de confiança entre a empresa e o ex-colaborador.

Trabalhe com a clareza de informações

Até aqui, é importante que você tenha deixado bem claro o motivo da empresa ter tomado essa decisão.

Nesta etapa do offboarding, é o momento perfeito para:

  • Ser claro e justo com o profissional sobre seus direitos;
  • Você ainda pode oferecer um canal de comunicação ou contato para resolver dúvidas;
  • Esteja aberto a ouvir perguntas e colocações.

Dessa forma, todas as informações ficam detalhadas e claras, evitando que a sensação de injustiça predomine e o nome da empresa seja prejudicado.

Realize uma entrevista de desligamento com cautela

A entrevista de desligamento é uma das etapas mais interessantes do offboarding.

Esta etapa permite que o RH receba e também passe feedbacks ao colaborador, o que pode servir de base para entender melhor o ambiente e as condições de trabalho dentro da empresa.

Isso serve como um norte para otimizar procedimentos que contribuem com a redução do turnover, bem como garantir um aumento na satisfação dos colaboradores que permanecem na instituição.

Devolução e recolhimento de materiais

Uma das últimas coisas a se fazer é realizar no offboarding, é a solicitação e o recolhimento de materiais que estavam com o colaborador desligado.

Esse processo inclui o recolhimento de notebooks e acessórios fundamentais para o trabalho desde que sejam de posse da empresa, independente do regime de contratação ser home office ou presencial.

Além disso, nesta etapa, o colaborador também deve retirar seus pertences pessoais caso trabalhe presencialmente, afinal, tudo será passado ao próximo profissional contratado.

Permissão de despedida

Por fim, é uma boa prática – inclusive para demonstrar empatia – que o profissional em questão tenha tempo hábil para se despedir de seus colegas de trabalho, gestores e superiores.

Afinal de contas, isso permite ajudar no reconhecimento dos esforços profissionais do colaborador e ainda, proporcionar abertura para ouvir o que ele tem a dizer sobre o tempo que esteve na empresa.

Qual a importância de aplicar o Offboarding na empresa?

Offboarding é muito importante para empresas, pois é uma influência na cultura da organização.

Como vimos anteriormente, trata-se de um processo implementado com a finalidade de tornar a saída do colaborador menos desgastante.

Por fim, se bem estruturado, proporciona a ambos – ao colaborador e à empresa – o devido respeito e consideração, evitando que futuros atritos e desgastes possam acontecer.

Offboarding: o que é e quais são as etapas de aplicação

Conclusão

Uma empresa que deseja atingir o sucesso precisa pensar em diversas frentes de atuação, que estão muito além dos parâmetros de compra e venda de produtos e serviços.

Portanto, é necessário se preocupar com a entrada de um colaborador na empresa, como será feita a integração dessa pessoa, a maneira de recebê-lo e como fazê-lo se sentir parte da equipe.

Desde a contratação até a despedida, é fundamental seguir os conceitos de Offboarding para garantir o sucesso empresarial.

Gostou do nosso conteúdo?

Conheça também o Go Learning: uma Universidade Corporativa Gratuita, pensada para T&D e RH, onde você tem acesso a uma série de Cursos criados por um time de especialistas dessas áreas.

Inscreva-se no Go Learning e faça parte do Ecossistema de Aprendizagem da Keeps.

Perguntas frequentes sobre Offboarding:

O que é o processo de Offboarding?

Offboarding é um processo através do qual é realizado o desligamento de um colaborador, elaborado de forma cuidadosa e orientada, possibilitando que esse “rompimento” seja seguro e humanitário, encerrando esta etapa de forma positiva, tanto para o ex-colaborador quanto para a empresa.

Como fazer o Offboarding?

Para implementar o Offboarding na sua empresa, algumas etapas devem ser seguidas:

– Realize sempre procedimentos formais.
– Elabore uma organização eficaz com toda a documentação.
– Seja o mais claro possível.
– Demonstre empatia.
– Atue com paciência e não perca a postura profissional;
– Faça uma reunião de desligamento com clareza.
– Não esqueça da importância do feedback.
– Devolução e/ou recolhimento de materiais;
– Reconheça o trabalho e o esforço do colaborador que está deixando a empresa;
– Possibilite um tempo hábil para despedida.

Gustavo Formighieri
Possui graduação em Ciências da Computação e é especialista em Gestão de Projetos e Marketing Digital pela FGV, hoje atuando como fundador de COO da Keeps, ajudando as empresas a implantar e operacionalizar processos e ferramentas para capacitação dos colaboradores.
Continue sua pesquisa
Pesquisar

Está com alguma dúvida? ENTRE EM CONTATO COM A GENTE!

Relacionados