keeps logo
Desenvolvendo e impulsionando conhecimento

Como utilizar a Inteligência Interpessoal no exercício das lideranças

Início » Psicologia Organizacional » Como utilizar a Inteligência Interpessoal no exercício das lideranças

Em momento anterior, trouxemos um artigo no qual abordamos a Teoria das Inteligências Múltiplas de Gardner. Hoje, nosso foco será dado a apenas um dos diversos tipos de inteligência: a inteligência interpessoal e como ela se aplica a funções específicas como diretor, coordenador e analista de T&D ou RH.

Continue lendo!

Antes de começar, você sabe quem é Howard Gardner, responsável pelo conceito de inteligência interpessoal?

Quem é Howard Gardner?

howard-gardner-inteligencia-interpessoal

Howard Gardner é um psicólogo e pesquisador norte-americano, nascido na década de 40.

Graduou-se em História pela Universidade de Harvard e em seguida dedicou-se à psicologia, concluindo um doutorado na área.

Hoje Gardner é mundialmente conhecido pelo desenvolvimento da teoria das inteligências múltiplas.

E também pelas demais temáticas de destaque voltados para o campo da psicologia cognitiva, educação e ciências humanas.

Como Gardner desenvolveu a teoria das inteligências múltiplas?

De modo resumido, podemos dizer que a teoria das inteligências múltiplas começou a ser desenvolvida através de um questionamento de Gardner.

Esse questionamento surgiu diante da abordagem mais geral acerca da inteligência, geralmente mensurada através de testes de QI, por exemplo.

A partir de então, o psicólogo decidiu pesquisar novos procedimentos, mais amplos e diversos, para interpretas as capacidades de cognição humana.

Após uma série de análises, estudos de casos e observações com crianças prodígios e adultos talentosos, Gardner identificou a existência de habilidade destacáveis em áreas diferentes.

Assim, chegou à identificação de distintos tipos de inteligência. Ou seja, nem todos os indivíduos demonstram talento da mesma e é necessário que isso seja entendido, aceito e valorizado.

A inteligência interpessoal é uma dessas inteligências múltiplas, sobre a qual abordaremos abaixo, de forma mais específica.

Como a inteligência interpessoal pode ser utilizada entre as lideranças da empresa?

Dentre as inteligências múltiplas, a inteligência interpessoal é a chamada inteligência social e é considerada um skill essencial para alguns cargos e funções nas organizações.

Isso se dá especialmente quando falamos de diretores, coordenadores e analistas.

Mas de que forma a inteligência interpessoal é aplicada a cada uma dessas funções?

Como a inteligência interpessoal pode ser utilizada entre as lideranças da empresa?

Diretores e a inteligência interpessoal

  • Liderança: os diretores precisam desenvolver a inteligência interpessoal pois essa é a maneira mais eficaz para liderar as equipes de modo motivador e compatível.

Demonstrando empatia às demandas particulares de cada um de seus colaboradores e então desenvolvendo um ambiente otimista e assertivo.

  • Comunicação eficaz: ser capaz de se comunicar de modo assertivo e transparente é uma necessidade relevante, pois o diretor tem como missão repassar as metas, diretrizes e estratégias à sua equipe.

Através da inteligência interpessoal, é aberto espaço também para a escuta ativa, onde é dada importância às considerações e inquietações dos colaboradores.

  • Gestão de conflitos: um diretor que desenvolve a inteligência interpessoal é capaz de saber quando há algum obstáculo ou conflito na equipe.

Assim, encontrando soluções de forma imparcial e empática, que sejam concluídas beneficiando todo o time.

  • Networking: quando o diretor elabora sua inteligência interpessoal, consegue desenvolver e alicerçar relacionamentos com parceiros, clientes etc. Afinal, um bom networking é essencial para o sucesso da empresa.

Coordenador

  • Trabalho em equipe: é necessário para um coordenador que a inteligência interpessoal seja desenvolvida, pois é assim que são estruturadas e lideradas equipes coerentes, onde todos os colaboradores são apreciados e estimulados a participar.

  • Comunicação interna: assim como mencionamos acima sobre os diretores, com os coordenadores a skill da comunicação não é diferente.

A inteligência interpessoal na transmissão de informações e notícias devem ser efetivas entre os gestores e suas equipes.

  • Mediação: lembra da gestão de conflitos que explanamos quando falamos dos diretores?

Note o quanto a inteligência interpessoal é essencial nos variados cargos, pois os papeis de mediador sempre são requisitados, na intenção de manter a harmonia e promover a compreensão coletiva.

  • Desenvolvimento de talentos: movido pela inteligência interpessoal, o coordenado pode avaliar o potencial e as skills dos colaboradores parte da equipe e saber exatamente o caminho através do qual direcioná-los para o desenvolvimento da carreira.
Dentre as inteligências múltiplas, a inteligência interpessoal é a chamada inteligência social e é considerada um skill essencial para alguns cargos e funções nas organizações.

Analistas e a inteligência interpessoal

  • Entrevistas e seleção: quando possui inteligência interpessoal, o analista desenvolve suas entrevistas de modo compreensível e compatível, sabendo apontar as competências e demais focos comportamentais dos talentos com mais precisão.

  • Treinamentos e capacitação: é também através da inteligência interpessoal que o analista entende os focos a serem abordados nos programas de treinamento e desenvolvimento, atendendo assim as demandas de cada colaborador.

  • Feedback construtivo: um analista com inteligência interpessoal é capaz de entregar feedbacks aos colaboradores de forma empática e engajadora, promovendo seu desenvolvimento profissional.

  • Relações interpessoais no ambiente de trabalho: a skill da inteligência interpessoal, enquanto habilidade social de um analista, ajuda a estruturar um ambiente corporativo são, onde existe comunicação sem ruídos e gentiliza entre os colaboradores.
infografico-liderancas-utilizando-inteligencia-interpessoal

Então fique atento: quanto mais a skill da inteligência interpessoal foi desenvolvida, maiores serão os ganhos e benefícios, tanto para o ambiente organizacional quanto para a cultura da empresa.

Você conhece o Go Learning?

Se esse assunto foi relevante para você, não perca tempo e conheça o Go Learning, a Universidade Corporativa da Keeps, gratuita e repleta de cursos com temáticas atuais e relevantes para diretores, coordenadores e analistas!

Todos os nossos conteúdos são pensados para desenvolver o seu T&D e RH de forma assertiva e eficaz.

Vem pra Keeps!

Jaya Viana
Redatora, escritora e especialista em Produção em Jornalismo Digital pela PUC Minas. Hoje atuando como Analista de Conteúdo e SEO na Keeps, sendo ainda entusiasta das temáticas sobre RH e T&D, bem como demais conteúdos voltados para a Educação Corporativa.
Continue sua pesquisa
Pesquisar

Está com alguma dúvida? ENTRE EM CONTATO COM A GENTE!

Relacionados

Converse com nossos especialistas

Descubra como nossa plataforma pode transformar sua equipe e impulsionar o crescimento da sua empresa. Agende agora uma demonstração exclusiva e veja como podemos lhe ajudar: