Entre em contato: +55 (48) 99169-2112

Competências gerenciais: 10 dicas para uma boa liderança!

 Por: |  Publicado em 13/07/2021 |  Atualizado em 22/09/2021 |  Tempo de leitura 6 minutos

Nos dias de hoje, as competências gerenciais vêm sendo cada dia mais importantes para o mercado de trabalho. A concorrência acirrada termina por exigir também uma busca incessante pelo diferencial. Desde o processo seletivo e, sobretudo, durante os períodos de treinamento e desenvolvimento, ou no decorrer da formação de uma carreira como líder.

O gestor de uma empresa possui um papel fundamental, que requer atributos indispensáveis. Pois, além da responsabilidade no comando de uma equipe, cabe a ele tomar decisões que visem garantir o bom clima organizacional, enquanto geram resultados satisfatórios.

Desse modo, as demandas de capacitação estão crescendo cada vez mais. Principalmente, fazendo com que as lideranças tenham que desenvolver as competências gerenciais necessárias para inspirar os seus times. Da mesma forma, o engajamento dos liderados estimula o desenvolvimento pessoal e profissional por parte da equipe. O que exige da liderança novos aprendizados e assim sucessivamente.

Esse ciclo virtuoso pode e deve ser criado, a partir das práticas de uma boa liderança, no desenvolvimento de suas competências gerenciais. Afinal, o que é liderar, se não dar o exemplo?

Neste post, vamos aprofundar o tema das competências gerenciais, atribuindo conceitos e dicas, além de apresentar os principais modelos de perfis. Também vamos abordar as habilidades essenciais para uma boa liderança e especificar a função de cada uma delas no desafio de comandar equipes.

Por fim, veremos como a tecnologia tem impactado o desenvolvimento de competências gerenciais para novas lideranças. Mas, uma coisa podemos adiantar: o líder de hoje troca experiências e está sempre conectado!

Ficou curioso? Então acompanhe o artigo e boa leitura!

O que são competências gerenciais?

De forma simples, podemos definir as competências gerenciais a partir de três conceitos:

  • Conhecimentos;
  • Habilidades;
  • Atitudes.

As competências gerenciais estão relacionadas com a capacidade do líder de engajar a sua equipe, formando um grupo coeso, em torno de objetivos comuns. Também é papel da liderança promover a sensação de pertencimento do time, sempre conectado e aberto a troca de experiências.

Se pessoas que sabem ouvir e ter empatia são bem-vindas em qualquer lugar, lideranças com tais premissas serão bem-vindas em qualquer empresa.

Por isso, o entendimento da realidade de cada pessoa é tão significativo na hora de atribuir uma tarefa. Alguém em fase inicial de desenvolvimento não executará uma atividade complexa da mesma maneira que um colaborador experiente, por exemplo. Assim como um líder, sem as principais competências gerenciais desenvolvidas, dificilmente terá um plano de gestão eficiente e que inspire os colaboradores.

Vale lembrar, sempre, que o desenvolvimento de um setor deve sempre considerar o desenvolvimento da empresa. Ao mesmo tempo, o desenvolvimento da empresa deve sempre considerar o treinamento e desenvolvimento das pessoas, ou capital humano. Ou, ainda, capital intelectual.

Logo, uma boa liderança necessita também de uma abordagem efetiva, que promova a autonomia em um ambiente colaborativo. Todo gestor sabe, que desempenho e proatividade não requerem apenas “saber fazer”, por parte dos colaboradores, mas sim “ter segurança para fazer”.

Um líder atento, entende que esses detalhes fazem a diferença e, portanto, busca o aperfeiçoamento constante. A seguir, separamos 10 competências gerenciais para desenvolver lideranças inspiradoras e eficientes!

10 competências gerenciais para uma boa liderança!

Afinal, o que faz um líder ser competente? Quais são as características necessárias para a formação de um gestor bem-sucedido? E como essas qualidades influenciam no funcionamento da equipe?

A partir destes questionamentos, vamos as 10 dicas para uma boa liderança:

trabalho em equipe

1 – Trabalho em equipe

Dentre as competências gerenciais, o trabalho em equipe é definido pela capacidade de resolver problemas, entender o processo institucional e focar em um objetivo de forma coletiva. Entendendo a habilidades e o papel de cada colaborador, na designação de tarefas, há uma sensação de pertencimento ao todo, que torna o trabalho essencialmente colaborativo.

responsabilidade

2 – Responsabilidade

Esta é uma competência gerencial definida pela compreensão de habilidades, comportamentos e atitudes e suas consequências. Tanto do líder em si, como dos colaboradores, sabendo assumir a responsabilidade quando necessário, bem como delegando responsabilidades, com maior estímulo à autonomia dos colaboradores.

organização

3 – Organização

A organização das atividades possibilita uma visão mais segura para o planejamento e implementação das ações organizacionais. Na prática, esse gerenciamento ajuda a se antecipar a imprevistos, otimizar processos, reduzir custos e tempo, entre outros benefícios desta competência profissional.

emocional

4 – Preparo socioemocional

Com numerosas atribuições e responsabilidades, as lideranças precisam constantemente saber contornar situações adversas, visando a resolução de problemas. Logo, é necessário ter um bom preparo socioemocional, para que haja uma boa tomada de decisão. Uma boa liderança se exerce com equilíbrio e decisões ponderadas.

comunicação

5 – Comunicação assertiva

Saber como repassar informações, fazer anúncios e orientar a equipe, quando necessário, é uma das competências gerenciais indispensáveis a um bom líder. A comunicação não só corrobora para o engajamento da equipe, como tem um papel fundamental na consolidação dos valores da empresa. Um bom líder também não esquece que, na interação entre gestor e colaborador, a comunicação é uma via de mão dupla.

Inovação

6 – Inovação

Hoje, com os avanços da tecnologia, a inovação organizacional tem sido uma constante na busca das empresas pelo seu espaço no mercado. Por isso, as organizações estão incorporando novos conhecimentos, soluções e abordagens. Seja no atendimento ao cliente, no gerenciamento de dados, no onboarding de colaboradores ou na implementação de Universidades Corporativas.

As grandes lideranças, além de comando e exemplo, procuram obter diferencial técnico o respaldo para suas decisões. Estão sempre abertos a aprender coisas novas e buscam o aperfeiçoamento constante, com uma mente inovadora.

inspiração

7 – Inspirar pessoas

A inspiração dos colaboradores está, quase sempre, intimamente ligada aos valores das empresas, que tem nas lideranças os seus interlocutores. Isto é, as atitudes, comportamentos e habilidades de um líder devem refletir os valores da empresa e, a partir do exemplo, motivar os colaboradores em direção ao seu propósito.

empatia

8 – Empatia

Dentro das competências gerenciais vistas nos treinamentos de lideranças, as relações interpessoais dentro das empresas é sempre tema fundamental. A empatia reflete a capacidade de alguém colocar-se no lugar do outro, para sentir as suas dores. O que nas organizações podem ser os pain points de clientes, fornecedores, colaboradores, etc.

liderança

9 – Liderança

As atitudes de liderança são o reflexo de um bom treinamento, além de preparo técnico e socioemocional por parte do gestor. Com este espírito, um bom líder sente confiança para apontar os caminhos e dar suporte aos seus colaboradores. Além do exemplo e da valorização da equipe, as pessoas reconhecem na liderança, mais do que alguém para seguir, alguém a quem recorrer.

determinação

10 – Determinação

Última das competências gerenciais de hoje, um bom gestor precisa de determinação de sobra, pois ele será o grande influenciador e gerenciador das metas e resultados das empresas. Dessa forma, torna-se necessário muito empenho, foco e prontidão na relação com os colaboradores. Buscando sempre a resolução de problemas ou o desenho dos caminhos para o desenvolvimento autônomo dos colaboradores. Tendo em vista, é claro, que a determinação de um líder serve de espelho para a equipe e de vitrine para as empresas.

Boas lideranças e o uso da Tecnologia!

A tecnologia trouxe novos desafios e em ritmo acelerado para as lideranças. Portanto, se pudermos eleger uma 11ª competência gerencial, ela levará o título de “Mantenha-se conectado!”. Conecte-se com os seus colaboradores. Conecte os seus clientes com as suas soluções.

Utilize a tecnologia para desenvolver e impulsionar conhecimento!

Venha conhecer nossas soluções.

Relacionados

Deixe o seu contato para a nossa newsletter!

Deixe o seu contato para a nossa newsletter!

Todo mês temos um conteúdo exclusivo para você.

Muito obrigado!

×