Entre em contato: +55 (48) 99169-2112

Capital intelectual nas empresas: o que é e porque investir!

 Por: |  Publicado em 19/07/2021 |  Atualizado em 22/07/2021 |  Tempo de leitura 6 minutos

Capital intelectual

O que é capital intelectual?

Na era digital, o mundo se encontra em constante mudança e atualização. De modo que, muitas coisas que até pouco tempo sequer existiam, hoje são necessidades básicas da nossa rotina. Isso não é diferente nas empresas, onde o mercado está em uma contínua busca pela evolução. Pois, no alto nível de competitividade atual, destacam-se aqueles que conseguem se adaptar melhor às mudanças, aliando isso à performance, inovação e diferencial de mercado.

Assim, o capital intelectual, no mundo da Indústria e da Educação 4.0, é cada vez mais essencial para as empresas. Porque, se por um lado muitos processos são automatizados ou auxiliados pela tecnologia, por outro, o nível de formação e especialização dos colaboradores também é mais elevado.

Diante desse cenário, em que muitas vezes o maior desafio é encontrar pessoal qualificado, muitas empresas têm investido em ações de Treinamento e Desenvolvimento (T&D), até mesmo, com a implementação de Universidades Corporativas.

Neste post, iremos trabalhar os conceitos básicos relacionados ao capital intelectual de uma empresa. Apresentaremos os fatores essenciais para o desenvolvimento dos colaboradores e os motivos-chave para integrar o capital intelectual aos objetivos estratégicos do programa de treinamento.

O que é capital intelectual?

Dentro de uma empresa, o capital intelectual consiste, basicamente, na soma dos conhecimentos de todos os colaboradores. Isto é, as habilidades, competências, comportamentos e atitudes de cada um. Atualmente, a procura por este ativo está cada vez maior, pois, com o gerenciamento do capital intelectual, a eficiência e autonomia dos colaboradores são direcionadas à busca pelos resultados.

Nesse sentido, o capital intelectual é desenvolvido nas empresas a partir do investimento em recursos humanos, estrutura e expansão das relações institucionais e com os clientes.

3 Tipos de Capital Intelectual

Quais os 3 tipos de capital intelectual?

Assim, o capital intelectual foi dado como a soma dos conhecimentos, mas quais são os principais processos que norteiam este ativo? Hoje, possuem mais três capitais básicos para a formação deste princípio, são eles: capital interno, capital externo e capital humano.

Capital interno

O capital interno é baseado nos processos, nos sistemas, na automação do trabalho e outras características estruturais ou de suporte tecnológico, na organização e no desempenhar das atividades.

Capital externo

Por sua vez, o capital externo se dá pelo relacionamento institucional e com os clientes. Isto é, a construção da imagem e das relações da empresa, de como ela é vista e avaliada pelo público.

Capital humano

O capital humano representa a soma das capacidades individuais dos colaboradores. Ou seja, suas competências, experiências, habilidades, comportamentos e atitudes.

Por que investir em capital intelectual?

Com o mercado corporativo cada dia mais acirrado, a exigência por inovação e diferencial são crescentes. Mais do que nunca, os processos gerenciais e de liderança, de recrutamento e onboarding, treinamento e desenvolvimento (T&D) dos colaboradores, devem fazer parte de um planejamento integrado de ações das empresas, para um crescimento sustentável, a partir de um bom clima organizacional, identidade de marca e da sua relação com o público.

E se tudo está conectado, em ritmo acelerado e com um público cada vez mais exigente, o que fazer?

Talvez, o primeiro passo seja entender que, tanto os clientes como os colaboradores, já não fazem questão das empresas grandes, mas, sim, das grandes empresas.

A Tecnologia a nosso favor

Por isso, o capital intelectual se torna tão importante para o crescimento das empresas. Seja pela capacitação contínua na busca por inovação e diferencial, seja pelo desenvolvimento e consolidação de uma imagem positiva no mercado. Com as tecnologias a nosso favor, é possível evoluir rapidamente o capital intelectual de uma empresa, a partir da educação continuada e programas de T&D. Sem precisar recorrer a consultorias especializadas ou contratação de novos colaboradores.

Essa possibilidade tem levado muitas empresas a implementarem Universidades Corporativas, com objetivo de desenvolver em casa os seus próprios talentos e diferenciais. O que, não por acaso, também é um grande ativo na hora de atrair os melhores profissionais.

Conclusão: as empresas que mais investem em capital intelectual tendem a atrair os profissionais que mais buscam se desenvolver. Estes, por sua vez, costumam estar entre os profissionais mais capacitados. Então cria-se um ciclo virtuoso em que as melhores empresas ajudam os melhores profissionais a serem ainda melhores, ou vice-versa.

Em termos práticos, podemos dizer, por exemplo, que o investimento em capital intelectual ajuda a diminuir a rotatividade de quadro, uma vez que os colaboradores se sentem mais valorizados, pertencentes e integrados ao processos, equipe e cultura organizacional.

Estamos em um período de grande consciência sobre a importância da saúde psicológica, da segurança no trabalho e de um ambiente organizacional propício para colaboração, engajamento e desenvolvimento profissional.

Como fazer a gestão do capital intelectual?

Já sabemos porque investir e qual a importância deste dentro do ambiente de trabalho. Mas como podemos fazer para a valorização do capital intelectual de uma organização?

Com a evolução tecnológica e o desenvolvimento das metodologias ativas de aprendizagem, a Educação Corporativa e as plataformas de aprendizagem se tornaram grandes alternativas para valorizar o capital intelectual da sua empresa. Tanto através do capital interno, externo, quanto do capital humano.

Podemos dizer, portanto, que o investimento em ações de T&D e educação continuada deve entrar no radar de gestores e empresas que ainda não tenham se movimentado nesse sentido.

E não podemos deixar de lembrar que a relação entre as pessoas continua sendo a melhor forma de transmitir o conhecimento. A tecnologia é um elo, mas a interação das pessoas é que traz o sentido a tudo que ensinamos e aprendemos. A comunicação entre experientes e novatos, a colaboração, a proatividade, a capacidade de resolver problemas em equipe, são fatores que sempre irão contribuir para o desenvolvimento do capital intelectual das empresas.

Soluções da Keeps para Educação Corporativa

Keeps desenvolve tecnologias LXP inovadoras, que são ideais para empresas que pensam em investir no seu capital intelectual. A LXP é a solução adequada para auxiliar as lideranças desde o planejamento das ações de T&D, passando pela gestão do conhecimento, até a avaliação dos resultados de treinamento.

Confira a seguir:

Konquest Konquest 

Konquest combina a facilidade na criação de cursos com a leveza da usabilidade para o aprendizado. É possível transformar qualquer objeto de aprendizagem em conhecimento, de uma maneira simples e ágil para criar cursos com todos os tipos de conteúdo.

O ensino personalizado do Konquest identifica o perfil dos colaboradores no consumo dos conhecimentos, a fim de oferecer dicas e recomendações sob medida. Desse modo, é possível transmitir e entregar o conhecimento no formato que as pessoas mais interagem.

GameUp GameUp

GameUp oferece capacitação com alto índice de engajamento, uso e aprendizado. Nos treinamentos gamificados, as necessidades de capacitação são transformadas em propostas de aprendizagem que desafiam e ensinam ao mesmo tempo. Os colaboradores são convidados a testarem seus conhecimentos num formato engajador de ensino e aprendizagem. Tudo com feedbacks instantâneos, design intuitivo e conteúdo acessível, na palma da mão.

SmartZap SmartZap

Com o SmartZap é possível descomplicar treinamentos através de uma experiência de aprendizagem engajadora, rápida e simples pelo WhatsApp!

É possível criar minicursos com todos os tipos de conteúdo, de modo simples e ágil, oferecendo liberdade total para os usuários, disponibilizando treinamentos na palma da mão. Portanto, no SmartZap, o colaborador recebe o curso no próprio WhatsApp, tendo a liberdade para evoluir conforme seu ritmo, rotina de trabalho e engajamento.

Solicite uma demonstração gratuita da LXP da Keeps e você estará a um passo de desenvolver o capital intelectual da sua empresa!

Venha conhecer nossas soluções.

Relacionados

Deixe o seu contato para a nossa newsletter!

Deixe o seu contato para a nossa newsletter!

Todo mês temos um conteúdo exclusivo para você.

Muito obrigado!

×